Música

Saxofone



Aprender a tocar saxofone envolve adquirir e desenvolver um conjunto de habilidades físicas e mentais específicas.

Aqui no VEC o processo de aprendizagem acontece na aula de saxofone de forma descomplicada e divertida. Com a orientação de um professor qualificado, as aulas de bateria são personalizadas de acordo com a idade (a partir de 12 anos) e objetivo do aluno em relação ao instrumento, apoiando a construção de conhecimento em cinco pilares:
 

  • 1. musicalização: percepção, escuta e compreensão dos diferentes aspectos da linguagem musical;
  • 2. técnica: respiração e preparo físico das mãos e do corpo para tirar do instrumento o som desejado;
  • 3. criatividade: interpretação, composição e improvisação;
  • 4. leitura musical: escrita gráfica (alternativa) e tradicional, por meio de exercícios musicalmente atrativos e progressivos;
  • 5. material: escolha de repertório adequado ao nível de aprendizado do aluno para proporcionar uma experiência musical significativa, utilizando arranjos de músicas conhecidas – de diferentes gêneros musicais – e ampliando o repertório do aluno por meio de músicas originais para saxofone que desenvolvam e consolidem os conteúdos aprendidos.


O Saxofone produz uma variedade de sons muito parecidos com a voz humana, assim é um instrumento muito versátil e se adapta a diferentes gêneros musicais. A semelhança do saxofone com a voz aparece também nos nomes dos tipos de saxofones, com diferentes tamanhos e afinações, usando a mesma classificação de vozes: soprano (voz feminina aguda), alto ou contralto (voz feminina grave), tenor (voz masculina aguda) e barítono (voz masculina grave).

Apesar de sempre ter sido feito de metal, o saxofone é um instrumento de sopro integrante da família das madeiras. Isso se deve à forma com que o som é produzido: pela vibração da palheta simples, uma pequena lâmina de cana ou material sintético, que fica dentro da boquilha do instrumento.

Um dos poucos instrumentos que tem sua origem documentada, o saxofone foi criado pelo belga Adolf Sax (1814-1894) em 1840, com a intenção de reunir em um único instrumento as qualidades dos instrumentos de sopro da família das madeiras (flauta, clarinete, oboé) e dos metais (trompete, trombone, tuba). Muito frequente no repertório jazzístico, em que tem papel importante como solista ou como integrante nas big bands, o saxofone aparece também, a partir do século 20, no repertorio orquestral.

O objetivo de tocar saxofone é... tocar saxofone! Tocar as músicas que gostamos é uma grande realização, mas aprender a linguagem musical na prática, tocando um instrumento, estimula áreas do cérebro que não são ativadas por nenhuma outra atividade. Entre os benefícios, comprovados cientificamente, estão a melhora da concentração, atenção, memória, habilidades espaciais e matemáticas, além da autoexpressão, da criatividade, compreensão da importância da disciplina e persistência.

Mediação

Mediador

Nina Novoselecki

ver bio

Estudou no Conservatório do Brooklin Paulista e EMESP e participou de cursos para aperfeiçoamento musical e pedagógico. Presente no cenário musical como flautista e saxofista, se apresentou durante 10 anos no Bourbon Street Music Club e participou de festivais de música como o Festival de Paraty. É professora de saxofone e flauta transversal em escolas de música e em projetos sociais.

Duração

50 min

Classificação etária

a partir de 12 anos

Investimento

R$ 509,00

Consulte horários e turmas disponíveis nos canais abaixo:

Confira matérias que podem ser de seu interesse

link postagem
VEC VISUAIS CONVIDA

VEC VISUAIS CONVIDA

Um convite a inúmeras vivências

Postado em 04/09/2020

link postagem
VEC VISUAIS CONVIDA

VEC VISUAIS CONVIDA

Um convite a inúmeras vivências.

Postado em 27/08/2020

link postagem
Iconografia, Iconologia e outros

Iconografia, Iconologia e outros

Idade Moderna: Renascimento

Postado em 17/08/2020

link postagem
VEC VISUAIS CONVIDA

VEC VISUAIS CONVIDA

Um convite a inúmeras vivências.

Postado em 20/07/2020

Cursos em destaque