Arte

5 razões para você começar a ler HQ

Postado em 24/09/2019

Blog Poderosa ferramenta pedagógica, as Histórias em Quadrinhos (HQs) possuem linguagem visual e características lúdicas que podem transformá-las em  instrumentos para a alfabetização infantil e também contribuir para a construção do saudável hábito da leitura. 

As HQs ampliam a capacidade de observação e de expressão criativa, estimulam a fantasia e colaboram no descobrir de formas coloquiais da linguagem, além de melhorar a sua habilidade de analisar e resolver problemas. 

E mais: as histórias em quadrinhos também inovam na hora de apresentar conteúdos e, com isso, têm a capacidade de prender mais a atenção dos leitores, principalmente os mais jovens que procuram mais dinâmicas de consumir informação. 

É importante lembrar ainda que, mesmo curtas, as HQs podem aprofundar o conhecimento de crianças, adolescentes e até mesmo adultos sobre determinados temas. E não é só isso, o ato de ler HQ também pode estimular a produção e edição de HQs. 

Despertou interesse pelo tema e quer conhecer outras razões para começar a ler HQ hoje mesmo? Dá só uma olhada na lista que nós preparamos abaixo:
 

Expande a imaginação e criatividade


Scott McCloud explica em seu livro, “Understanding Comics” (Entendendo Quadrinhos, em tradução livre), que as HQs são capazes de ensinar ao nosso cérebro a ler os textos nas lacunas, espaço entre os quadros de uma página e outra.

Podemos entender que é a nossa imaginação a responsável por reunir as partes da história que não são explicitamente dispostas na página. Ou seja, ler HQs é uma das formas  mais participativas de leitura, e seu cérebro é estimulado de uma maneira totalmente diferente. 

Para as crianças em fase de alfabetização, os quadrinhos possuem elementos de caráter lúdico que as auxiliam a fazer uma leitura mais assertiva e rica. Isso porque, os recursos das imagens utilizadas para ilustrar as histórias ajudam muito no entendimento do contexto contado.
 

Promove a empatia 


A leitura tem o poder de humanizar e criar empatia, pois ao entender intimamente a história pessoal do personagem - mesmo que não exista - nossa compreensão sobre outra visão de mundo é melhorada. 

No livro “The Moral Laboratory” (O Laboratório Moral, em tradução livre), Frank Hakemulder mostra que pessoas que leram a narrativa fictícia de uma mulher argelina entenderam melhor sua perspectiva e o papel da mulher no país do que aqueles que leram apenas uma reportagem sobre as dinâmicas de gênero na Argélia.

E a interligação do texto e imagem, existente nas HQs, ajudam também a melhorar o entendimento de conceitos de forma que qualquer um dos códigos, separadamente, seriam mais difíceis de serem compreendidos.
 

Amplia vocabulário


Assim como qualquer meio de leitura, as histórias em quadrinhos ajudam a incorporar novas palavras e expressões no nosso vocabulário. As HQs contribuem para a melhora efetiva da ortografia e também do uso de pontuação, uma vez que apresentam uso peculiar desses sinais. Ou seja, é uma boa oportunidade para aprender diferentes formas de uso dos sinais de pontuação. 
 

São mais que histórias de super-heróis 


Perfeita para contar os mais diversos tipos de história, as HQs vão além do universo dos super-heróis e trazem histórias bastante densas e profundas. Inclusive, o jornalismo já se utilizou dessa mídia para relatar fatos, como podemos ver nas obras de Joe Sacco, criador do gênero. 
 

Conectam pessoas


A sensação de unidade entre os fãs de HQ é incrível, uma vez que os aficionados por quadrinhos querem mergulhar cada vez mais nesse mundo. Outro ponto positivo em relação a isso é que as histórias em quadrinhos são centro de eventos grandiosos e que abrem a porta para experienciar vivências diferentes e conhecer novas pessoas. 



Já é leitor assíduo de HQs e quer ampliar seus conhecimentos? Conheça o curso de História em Quadrinhos do Vértice Espaço Cultural, e venha aprender todas as etapas do processo de criação de uma história em quadrinhos, desde a elaboração da narrativa, das falas e do roteiro, até a criação dos personagens para, a partir disso, começar as ilustrações e usar os elementos corretos de balões e onomatopeias.  

Clique aqui e saiba mais informações sobre o curso regular de Histórias em Quadrinhos do VEC. 

 

tags: arte artes visuais história em quadrinhos hq ilustração



Postado por

Mediador

Vértice Espaço Cultural

Conteúdo relacionado

Cursos em destaque

Faça-nos uma visita!

Prédio 1: R. Vieira de Morais, 197 | Prédio 2: R. Vieira de Morais, 217 - Campo Belo, São Paulo, SP - CEP: 04617-000
Horário de funcionamento: 2ª a 6ª feira, das 9h30 às 21h30